Feira da Freguesia reúne milhares de pessoas no Centro Histórico de São José

0
861

A 21ª Feira da Freguesia reuniu milhares de pessoas no Centro Histórico de São José no último domingo (12). Nem o frio impediu que as famílias, casais de namorados e crianças saíssem de casa para assistir às apresentações artísticas e culturais no evento, que já virou um ponto de encontro todo segundo do mês.

Além das atrações espalhadas pelos casarões históricos do município e dos Food Trucks com comidas gourmet, as barraquinhas de expositores com produtos e artigos artesanais fizeram o maior sucesso durante o evento

A artesã Luciana Nienkotter, por exemplo, expõe seus produtos utilitários feitos a mão desde a primeira Feira da Freguesia, que ocorreu em 2014. “A Feira me proporciona uma renda extra, o que atualmente é uma necessidade devido à crise econômica que estamos enfrentando. Eu já vendi R$ 1 mil em uma das edições anteriores da Feira, mas hoje vendemos cerca de R$ 400”, contou Luciana.

A barraquinha Laços e Fuxicos trabalha com patchwork e artes aplicadas em carteiras, bolsas, capas para celular feitos com tecido, fibra e muito carinho. O valor dos produtos varia entre R$ 10 e R$ 90.

Por volta das 15h, o público se reuniu no palco central para prestigiar um dos momentos mais esperados do evento, que é o boi-de-mamão. O Grupo Folclórico Alivanta Meu Boi conseguiu interagir com as famílias e com a criançada por aproximadamente uma hora, com músicas folclóricas, brincadeiras, bernunça e a famosa Maricota.

A Feira também foi uma opção para os casais comemorarem o Dia dos Namorados, celebrado no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, conhecido como santo casamenteiro. O casal Juli Fernandes e Fernando Nunes levou o filho João Otávio, de três anos, para a Feira da Freguesia pela quarta vez. “Eu gosto desse clima de feira, das exposições de antiguidades. O evento é muito importante para preservar a identidade da cultura josefense”, destacou a moradora do bairro Roçado Juli Fernandes.

Segundo a superintendente da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, Joice Porto, a edição contou com um número maior de expositores e visitantes. “No momento do boi-de-mamão, estimamos que cerca de 2 mil pessoas marcaram presença em uma das maiores feiras que já organizamos desde 2014”, salientou Joice Porto.

A Banda Trio Jaú encerrou a 21ª edição da Feira da Freguesia, que já tem data marcada para o próximo mês: 10 de julho. Promovida pela Prefeitura de São José, por meio da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, a Feira ocorre sempre no segundo domingo do mês, com apresentações artísticas, culturais e gastronomia, aproximando a população de São José da tradição açoriana, da cultura e da arte.

Comentários

Comentários