Feirão de Empregos bate recorde de procura

0
682

Nem o frio, nem o cansaço, nem uma fila com cerca de 10 mil pessoas desanimou as milhares de pessoas que lotaram a avenida Paulo Fontes, no centro de Florianópolis, desde a madrugada desta quinta-feira (16) para o Feirão de Empregos, realizado pela Prefeitura da Capital, por meio do Instituto de Geração de Oportunidades de Florianópolis (IGEOF).

O Feirão, que ocorre há cinco anos na Capital, desta vez teve recorde de público. Somente nas primeiras duas horas, mais de 10 mil pessoas pegaram senha para deixar seus currículos. Em parceria com 20 empresas da região, a Prefeitura conseguiu levantar 1.500 vagas de empregos.

“São vagas para serem preenchidas imediatamente. As demais irão para o cadastro de oportunidades do Igeof, onde mantemos parcerias com as empresas e encaminhamos os currículos”, afirmou o superintendente do órgão, Ronaldo Torquato.

Candidatos chegam cedo

Na fila por uma vaga em qualquer área, Marcelo Moura, 25 anos, está há cinco meses desempregado e foi para o Feirão antes do amanhecer, levou os irmãos e os primos.

“Procuro qualquer coisa, atendente, operador de caixa, não estamos podendo escolher”, disse.

No Feirão foi até quem acabou de ser demitido. A técnica de enfermagem Silvana Antunes cumpriu seu plantão na madrugada de quinta e foi demitida. Mal chegou em casa e já pegou o primeiro ônibus até o Centro.

“Foi de surpresa, até ontem eu tinha emprego, não vou esperar, vim direto do plantão”, contou.

Balcão de Oportunidades

Para deixar currículos e verificar vagas de emprego em Florianópolis, o BOM funciona de segunda a sexta-feira, no térreo do prédio do IGEOF, na rua Deodoro, 209, das 13 às 18 horas.

Comentários

Comentários